Procurar

HORÁRIOS: de quinta a sábado, de 12h às 20h e domingo, de 10h às 18h.

Notícias

Chico da Silva e umas melodias pelo Pirambu: Pinacoteca do Ceará lança playlist no Spotify

Para ver e ouvir: Pinacoteca do Ceará libera playlist com músicas que fizeram sucesso em fases importantes da vida do pintor acreano radicado no Ceará

“A alma é para passarinho… sinto alegria, sinto uma música saindo de dentro de mim, então me sinto feliz da vida”, disse Chico Pintor, como o artista Chico da Silva era conhecido no bairro Pirambu, onde morou desde que chegou a Fortaleza e de onde se projetou como artista.

A data precisa de seu nascimento é desconhecida, mas é certo que Chico viveu e curtiu os cenários boêmios da capital cearense na segunda metade do século 20. O artista visual e assessor de Acervo da Pinacoteca do Ceará, Carlos Macêdo, que conheceu o pintor, relembra quando a Velha Guarda, as serestas e o samba eram a cadência predileta dos amantes efêmeros e tinham o ritmo com que Chico encarava a vida.

“Suas fronteiras eram desconhecidas, se é que as possuía, o que torna sua vastidão, ainda hoje, impercorrível. Qualquer esforço de expor sua inteireza notificará o aventureiro de seu inevitável fracasso”, reflete Macêdo sobre um Chico da Silva além do artista.

TRILHA SONORA DA VIDA DE UM ARTISTA

Na despedida da exposição “Chico da Silva e a Escola do Pirambu”, aberta à visitação desde 15 de julho e até este domingo (29), a Pinacoteca do Ceará disponibiliza uma playlist no Spotify com algumas das músicas mais tocadas nas rádios em diferentes fases da vida do artista, principalmente as canções que lhe tocavam o coração, segundo as fontes consultadas. As mais de 30 músicas selecionadas vão do brega à MPB e trazem hits em ordem cronológica das décadas de 1940 a 1980.

Para ouvintes que, como Chico, gostam de ver o sol raiar “Naquela mesa”, Nelson Gonçalves será companhia. E, suscitando a letra da canção “Minha verdade”, de Dona Ivone Lara: “o que desejo é pouco, pois não duro eternamente, nada poderá me afastar do que eu sou”. Se for “Sentimental demais”, como Altemar Dutra, ou ter os “Nervos de aço” como Lupicínio Rodrigues, a playlist “Chico da Silva e umas melodias pelo Pirambu” fará bom grado aos seus ouvidos.

Ao fim da playlist, “É melhor dizer adeus”, do álbum “Morte de um poeta”, de Alcione, simboliza bem a passagem de Chico da Silva por este mundo: “Viver bastante / Se entregar com todo amor / E quanto a dor / Que já ficou pelo caminho / Deixe, eu carrego sozinho”.

SOBRE A PINACOTECA

Inaugurada em dezembro de 2022, a Pinacoteca do Ceará tem a missão de salvaguardar, preservar, pesquisar e difundir a coleção de arte do Governo do Estado, sendo espaço de ações formativas com artistas, comunidade escolar, famílias, movimentos sociais, organizações não-governamentais e demais profissionais do campo das artes e da cultura. Trata-se de um espaço de experimentação, pesquisa e reflexão para promover o diálogo entre arte e educação a partir de práticas artísticas.

SERVIÇO

Confira AQUI a playlist “Chico da Silva e a Escola do Pirambu”.

 

Texto de Dhara Amorim, sob supervisão e edição de Raphaelle Batista e Silvia Bessa.

 

OUTRAS NOTÍCIAS

Pular para o conteúdo