Procurar

HORÁRIOS: de quinta a sábado, de 12h às 20h e domingo, de 10h às 18h.

Notícias

Curadoria como ação coletiva é tema de aula aberta na Pinacoteca do Ceará

Imagem: Marcus Vinicius. Vista da mostra "Por um sopro de Fúria e esperança", outubro de 2021.

A curadora e pesquisadora cearense Galciani Neves conduz a atividade na próxima sexta-feira (23), a partir das 18h, no auditório do museu

A Pinacoteca do Ceará – museu que integra a Rede de Equipamentos e Espaços Culturais da Secretaria da Cultura do Ceará (SECULT CE) e é gerido em parceria com o Instituto Mirante –, realiza na próxima sexta-feira (23) a aula aberta “Aquilo que nós decidimos fazer juntos aqui e agora: das possibilidades de pensar curadoria como ação coletiva”, com a pesquisadora e curadora Galciani Neves.

A atividade ocorre às 18h, no auditório da Pinacoteca do Ceará. Durante a conversa, serão compartilhados os processos de pesquisa, diálogos e interações multidisciplinares que deram origem à mostra “Por um sopro de fúria e esperança – Uma declaração de emergência climática”. A exposição ocorreu entre 2021 e 2022 no Museu Brasileiro da Escultura e da Ecologia, em São Paulo.

Com mais de 200 participantes, a mostra, sob a curadoria de Galciani Neves e Natalie Unterstell, explorou formas de construir pontes entre ativistas, cientistas, ambientalistas e artistas, visando fortalecer o diálogo entre arte e questões ambientais.

SOBRE A ARTISTA

Foto: Ale Ruaro

Galciani Neves nasceu em Fortaleza (CE) e mora em São Paulo. É professora, curadora e doutora em Comunicação e Semiótica, PUC-SP. É autora do livro Exercícios críticos: gestos e procedimentos de invenção (EDUC, 2016, com auxílio FAPESP). Foi coordenadora da Escola Entrópica (Instituto Tomie Ohtake – SP). Trabalhou em instituições como a Fundação Bienal de São Paulo, Instituto Tomie Ohtake e MuBE (Museu Brasileiro da Escultura e da Ecologia). Atualmente, é professora do Curso de Artes Visuais e da Pós-Graduação em Práticas artísticas contemporâneas na Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), coordenadora da Bolsa IAC de pesquisa do Instituto de Arte Contemporânea e curadora-convidada de Arte Contemporânea do MON (Museu Oscar Niemeyer – Curitiba).

SOBRE A PINACOTECA

Inaugurada em 3 de dezembro de 2022, a Pinacoteca do Ceará tem a missão de salvaguardar, preservar, pesquisar e difundir a coleção de arte do Governo do Estado, sendo espaço de ações formativas com artistas, comunidade escolar, famílias, movimentos sociais, organizações não-governamentais e demais profissionais do campo das artes e da cultura. Trata-se de um espaço de experimentação, pesquisa e reflexão para promover o diálogo entre arte e educação a partir de práticas artísticas.

SERVIÇO

O que: Aula aberta “Aquilo que nós decidimos fazer juntos aqui e agora: das possibilidades de pensar curadoria como ação coletiva”, com Galciani Neves
Quando: sexta-feira, 23 de fevereiro, 18h
Onde: Auditório da Pinacoteca do Ceará (Rua 24 de Maio, 34 – Centro, Fortaleza)
Classificação indicativa: livre
Acessível em Libras

 

Texto  de Alessandro Fernandes, sob supervisão e edição de Raphaelle Batista. 

 

OUTRAS NOTÍCIAS

Pular para o conteúdo