Procurar

HORÁRIOS: de quinta a sábado, de 12h às 20h e domingo, de 10h às 18h.

Notícias

Nova exposição e aula aberta são destaque na programação semanal da Pinacoteca

Foto: Marília camelo/ Pinacoteca do Ceará

Esta é a primeira semana de visitação à exposição “Leonilson: Montanhas protetoras e ao longe, vulcões, rios, furacões, mares, abismos e Das amizades”

A programação semanal da Pinacoteca do Ceará, de 14 a 17 de dezembro, destaca a aula aberta “Cuidando do passado: a profissão do conservador restaurador”, com a pesquisadora Bianca Gonçalves. Além disso, o museu, que integra a Rede de Equipamentos e Espaços Culturais da Secretaria da Cultura do Ceará (SECULT CE), gerido em parceria com o Instituto Mirante, realiza atividades formativas com os “Percursos entrelaçados” e conta com um momento reservado para as crianças no Ateliê Criança Cria

Na quinta-feira (14), o programa de visitas mediadas temáticas, “Percursos Entrelaçados”, terá como tema “Escritas em rota”. A atividade é uma ação da equipe educativa da Pinacoteca do Ceará e, nesta edição, propõe pensar a comunicação para além das grafias já conhecidas. Com classificação indicativa livre, a ação ocorre das 16h às 17h na Mostra Bonito pra Chover e na exposição “Leonilson: Montanhas protetoras e ao longe, vulcões, rios, furacões, mares, abismos e Das amizades”. A mediação é de Janaína Bento e Wallison Azevedo.

Já na sexta-feira (15) o museu realiza a aula aberta “Cuidando do passado: a profissão do conservador restaurador” com Bianca Gonçalves. O encontro, gratuito e aberto ao público, tem como objetivo apresentar a profissão de conservador restaurador, debater os principais tópicos relacionados à área, além de introduzir o tratamento de suporte de tela. O encontro acontece das 18h às 19h30 no auditório do museu e conta com acessibilidade em Libras. 

O fim de semana tem início no sábado (16) com mais uma edição do “Percursos Entrelaçados”. Dessa vez, com o título “Turbulências e mergulhos”, Érica Xita e Renata Damasceno conduzem uma visita pelo imaginário criativo de Leonilson a partir de suas simbologias singulares. O diálogo com as obras do artista busca observar elementos que foram revisitados ao longo de sua trajetória. A ação vai de 16h às 18h e conta ainda com atividade prática no Ateliê 1. Além disso, tem classificação indicativa livre e acessibilidade em Libras. 

Foto: Marília Camelo/ Pinacoteca do Ceará

Ao longo do sábado (16) e do domingo (17), a Pinacoteca recebe parte da programação do Festival Imaginários Urbanos. Além da exibição de dez videoperformances, de 12h às 16h, no auditório, acontecem também duas edições da mesa de conversa “Processos Curatoriais e de criação em Videoperformance”, sempre de 16h às 17h30. No primeiro dia, participam Dinho Araújo e Matheus Barbosa, com mediação de Marie Auip. Já no segundo, o diálogo será entre Pedra Silva, Ricardo Vilas Freire e Polina Shklovskaya, com mediação de Waldírio Castro. A classificação indicativa é de 16 anos. Mais informações sobre o festival estão disponíveis na página AQUI

A programação semanal se encerra no domingo (17) com o Ateliê Criança Cria, voltado para a criançada. Nesta semana, o público infantil é convidado para a atividade “Incêndio a bordo, coração de papel: Origamis a partir de Leonilson” em duas edições. A primeira vai de 10h às 11h, já a segunda ocorre das 15h às 16h. A ação tem como objetivo dialogar com a arte de forma lúdica e divertida com as crianças a partir da construção de barquinhos de papel com base nos símbolos presentes nas obras de Leonilson. 

Foto: Marília Camelo/ Pinacoteca do Ceará

>>> Confira AQUI a programação completa do mês de aniversário da Pinacoteca do Ceará. 

 

SOBRE A PINACOTECA

Inaugurada em 3 de dezembro de 2022, a Pinacoteca do Ceará tem a missão de salvaguardar, preservar, pesquisar e difundir a coleção de arte do Governo do Estado, sendo espaço de ações formativas com artistas, comunidade escolar, famílias, movimentos sociais, organizações não-governamentais e demais profissionais do campo das artes e da cultura. Trata-se de um espaço de experimentação, pesquisa e reflexão para promover o diálogo entre arte e educação a partir de práticas artísticas. 

 

SERVIÇO

O que: Programação da Pinacoteca do Ceará – 14 a 17 de dezembro

 

> Quinta-feira, 14.12

16h às 17h

Percursos Entrelaçados: Escritas em Rota

Mediação: Wallison Azevedo e Janaína Bento

Onde: Mostra Bonito pra Chover e exposição “Leonilson: Montanhas protetoras e ao longe, vulcões, rios, furacões, mares, abismos e Das amizades”

Classificação indicativa: Livre

Interpretação em Libras

 

> Sexta, 15.12

A partir das 18h 

Aula aberta “Cuidando do passado: a profissão do conservador restaurador”

Onde: Auditório da Pinacoteca do Ceará 

Acessível em Libras

 

> Sábado, 16.12

12h às 16h 

Mostra de videoperformances – 5º Festival Imaginários Urbanos

Insurrecto, de João Paulo Lima (Fortaleza, CE)

O Assobio da Cabocla, de Matheus Barbosa (Crato, CE)

 Soñé que el río está limpio, de Miguel Angel González (Bogotá, Colômbia)

Se você conhece…, de Dhanny Marinho (Fortaleza, CE)

que sua luta seja como a da floresta, de Gabriel Bicho (Porto Velho, RO)

Onde: Auditório da Pinacoteca do Ceará 

Classificação indicativa: 16 anos 

Acessível em Libras 

 

16h às 18h

Percursos Entrelaçados Turbulências e Mergulhos + Ateliê

Mediação: Érica Xita e Renata Damasceno

Onde: Exposição “Leonilson e Das amizades” + Ateliê 1

Classificação indicativa: Livre

Acessível em Libras 

 

16h às 17h30 

5º Festival Imaginários Urbanos

Mesa de conversa “Processos Curatoriais e de criação em Videoperformance”

Com Dinho Araújo e Matheus Barbosa, com mediação de Marie Auip

Onde: Auditório da Pinacoteca do Ceará 

Classificação indicativa: Livre 

Acessível em Libras 

 

> Domingo, 10.12

Manhã 10h às 11h | Tarde 15h às 16h

Ateliê Criança Cria – Incêndio a bordo, coração de papel: Origamis a partir de Leonilson

Mediação: Beatriz Gurgel e Érica Xita

Onde: Exposição “Leonilson e Das Amizades” + Ateliê 1

Classificação indicativa: a partir dos 5 anos

Inscrições por ordem de chegada 

 

12h às 16h 

Mostra de videoperformances – 5º Festival Imaginários Urbanos

Pelo Bilro e Pelo Espinho, de  Jucélia da Silva (Pedra, PE)

À Máxima Extensão, de Ricardo Vilas Freire e Polina Shklovskaya  (Belo Horizonte, MG e Moscou, Rússia)

Promessas feitas à Sereia, de Pedra Silva  (Fortaleza, CE)

Rios de gente, de Regina José Galindo (Cidade da Guatemala, Guatemala)

Ondas utópicas, de Patfudyda (Rio de Janeiro, RJ)

Onde: Auditório da Pinacoteca 

Classificação indicativa: 16 anos 

Acessível em Libras 

 

16h às 17h30 

5º Festival Imaginários Urbanos

Mesa de conversa “Processos Curatoriais e de criação em Videoperformance”

Com Pedra Silva, Ricardo Vilas Freire e Polina Shklovskaya, com mediação de Waldírio Castro

Onde: Auditório da Pinacoteca 

Classificação indicativa: Livre 

Acessível em Libras 

 

>>> Confira AQUI a programação completa do mês de aniversário da Pinacoteca do Ceará. 

> Todas as atividades são gratuitas. 

> A programação infantil requer sempre o acompanhamento de um adulto responsável por cada criança. 

> A Pinacoteca do Ceará dispõe dos seguintes recursos de acessibilidade: audiodescrição, abafadores de ruídos, videoguias em Libras, cadeira de rodas, intérpretes de Libras e peças táteis 

 

Exposições em cartaz:

Mostra “Bonito Pra Chover”: “Se Arar”, “No Lápis da Vida Não Tem Borracha” e “Amar se Aprende Amando” – até o primeiro trimestre de 2024. 

Exposição “Leonilson: Montanhas protetoras e ao longe, vulcões, rios, furacões, mares, abismos e Das amizades” – até 26 de maio de 2024. 

Visitas de quinta a sábado, das 12h às 20h, e domingos, de 10h às 18h.  

 

Texto de Alessandro Fernandes, sob supervisão e edição de Raphaelle Batista.

OUTRAS NOTÍCIAS

Pular para o conteúdo