Procurar

HORÁRIOS: de quinta a sábado, de 12h às 20h e domingo, de 10h às 18h.

Notícias

Pinacoteca do Ceará recebe performance “Negrociação”, com o artista carioca Yhuri Cruz

A apresentação, realizada em parceria com a Escola Porto Iracema das Artes, acontece no sábado, dia 23, das 14h às 18h, no auditório do museu

A Pinacoteca do Ceará recebe, no sábado (23), a performance “Negrociação #4: Minha língua está em sua boca e eu a quero de volta”, do artista Yhuri Cruz. A atividade, em parceria com a Escola Porto Iracema das Artes, será realizada das 14h às 18h no auditório do museu, que integra a Rede de Equipamentos e Espaços Culturais da Secretaria da Cultura do Ceará (SECULT CE) e é gerido em parceria com o Instituto Mirante. Serão disponibilizadas 100 vagas para o público, que pode se inscrever por ordem de chegada, a partir das 13h.

“Negrociação” faz parte da série de dramaturgias de emancipação do artista, realizadas desde 2019, e busca inventar uma forma de dramatizar a transação da imagem de Anastácia Livre a partir de outros tipos de capitais simbólicos, para além do financeiro. Cena sobre o acúmulo de outros tipos de capital, novos protocolos e paradigmas de trocas inclusivas, na ação o artista convida o público a espontaneamente trocar as camisetas de Anastácia Livre por registros em vídeo de suas línguas e áudios de suas vozes, a fim de refletir sobre um profundo vazio histórico do corpo negro em imagens coloniais. Na edição que ocorre em Fortaleza, Yhuri Cruz será acompanhado dos performers cearenses Clau Moreira, Jan Moreira, Luli Pinheiro e Mateus Araújo.

 

“Negrociação”, de Yhuri Cruz. Foto: Ding-Musa

Partindo do desejo de trair a linguagem por meio do ato da troca, a imagem da Anastácia Livre, recorrente na produção de Yhuri, multiplica-se e invade as ruas conforme o trânsito de pessoas que circulam e realizam suas trocas neste espaço, ao mesmo tempo em que a língua, imagem daquilo que fora negado à Anastácia, é cedida à sua imagem como um ato que ressoa e faz viver seu espírito enquanto força ancestral.

SOBRE O ARTISTA

Yhuri Cruz é um artista visual, escritor e dramaturgo, baseado no Rio de Janeiro. Elabora sua prática artística e literária a partir de proposições cênicas e instalativas que discutem arquivos históricos, ficções e fabulações da diáspora negra no Brasil e no mundo. Trabalha de forma expandida com escultura, desenho e filme. Cruz se dedica especialmente a sua longa série de performances que o próprio artista nomeia de “Cenas Pretofágicas” (Emancipation plays). Sua última individual foi ‘Revenguê: Uma exposição-cena’, no Museu de Arte do Rio. Tem seus trabalhos em coleções públicas e privadas nacionais e internacionais.

SOBRE A PINACOTECA

Inaugurada em 3 de dezembro de 2022, a Pinacoteca do Ceará tem a missão de salvaguardar, preservar, pesquisar e difundir a coleção de arte do Governo do Estado, sendo espaço de ações formativas com artistas, comunidade escolar, famílias, movimentos sociais, organizações não-governamentais e demais profissionais do campo das artes e da cultura. Trata-se de um espaço de experimentação, pesquisa e reflexão para promover o diálogo entre arte e educação a partir de práticas artísticas.

SERVIÇO

O que: Performance “Negrociação: Minha língua está em sua boca e eu a quero de volta”, com Yhuri Cruz
Quando: Sábado, 23 de março, às 14h
Onde: Auditório da Pinacoteca do Ceará (Rua 24 de Maio, 34 – Centro, Fortaleza)
Classificação indicativa: Livre
100 vagas | Inscrições por ordem de chegada a partir das 13h
Acessível em Libras

 

Texto de Alessandro Fernandes, sob supervisão de Raphaelle Batista. 

OUTRAS NOTÍCIAS

Pular para o conteúdo